Cartas para Bárbara: VII

Bárbara, queria passar essas noites contigo, tu que não gosta de cama sem par.
camas podem ter quilômetros, Bárbara.
quilômetros até mais longos que estes que nos separam.
quero encurtar essas distâncias; também prefiro cama a dois.
posso ser apenas companhia, se tu quiser. posso te despir com voracidade também.
posso ser abraço que te aninha. posso ser amante insaciável.
posso até ser os dois, Bárbara, se tu quiser.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Cartas para Bárbara: XV

Maria

Cartas para Bárbara: XVII